Portifólio Digital

 

 

Bibliografia Básica da Comunicação Social

A Slogan Publicidade está apresentando de forma básica uma bibliografia da comunicação social, com um alfabeto que facilitará sua busca pelo nome do autor.

• A • ALMEIDA,
José Mendes Cândido de.
Uma Nova Cultura Audiovisual - Comunicação e Novas Tecnologias. São Paulo: Summus. ALTHUSSER, L.
Aparelhos Ideológicos de Estado. Presence, 1974.
ALVES, Alfredo.
Como Fazer Um Audiovisual. Petrópolis: Vozes, 1987.
AMARAL, Luiz.
Jornalismo: Matéria de Primeira Página. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1986.
AMARAL VIEIRA, R.
A Comunicação de Massa: O Impasse Brasileiro. Forense Universitário.
ANDRADE, Cândido Teobaldo de Souza.
Curso de Relações Públicas. São Paulo: Atlas, 1974.
Para Entender Relações Públicas. São Paulo: Biblos, 1963.
Psicologia das Relações Públicas. Petrópolis: Vozes, 1975.
Curso de Relações Públicas. São Paulo: Atlas, 1986.
ARNHEIM, Rudolf.
Arte e Percepção Visual. São Paulo: Pioneira.
ASKOFF, Russel L.
Planejamento de Pesquisa Social, 1972.
ASSMAN, Hugo.
A Igreja Eletrônica e Seu Impacto na América Latina. Petrópolis: Vozes.
AUGER, Lucien.
Comunicação e Crescimento Pessoal. São Paulo: Loyola.
AUGRAS, Monique.
Opinião Pública. Petrópolis: Vozes, 1970.


• B • BABIN, Pierre.
A Era da Comunicação. São Paulo: Ed. Paulinas, 1989.
Os Novos Modos de Compreender. São Paulo: Ed. Paulinas, 1989.
BAHIA, Juarez. Jornal,
História e Técnica. São Paulo: Ática, 1990.
BARBER e LEGGE.
Percepção e Informação. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.
BARRETO, Roberto Menna.
Criatividade em Propaganda.São Paulo: Summus.
Interpretação Através da Propaganda. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura.
BARTHES, Roland. A
Câmara Clara. Nova Fronteira.
BAUDRILLARD, Jean.
O Sistema dos Objetos. São Paulo: Perspectivas, 1989.
BAUS, Herbert.
Relações Públicas: Dinâmica e Prática. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1961.
BELTRÃO, Luiz.
Teoria Geral da Comunicação. BSN, Thesaurus, 1977.
BELTRÃO, Luiz e QUIRINO,
Newton de Oliveira.
Subsídios Para Uma Teoria de Comunicação de Massa. São Paulo: Summus.
BENN, Alec.
Os 27 Erros Mais Frequentes na Publicidade. Maltese.
BERLO, David K.
O Processo da Comunicação Humana. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura.
BERNADET, Jean Claude.
O Que é Cinema. São Paulo: Brasiliense, 1981.
BERTO, David K.
O Processo da Comunicação. Martins Fontes.
BIGAL, Solange.
Afinal, o Que é Criação Publicitária? São Paulo: Razão Social.
BORDENAVE, Juan Diaz & CARVALHO,
Horácio Martins de.
Comunicação e Planejamento. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979
Além dos Meios e Mensagens. Petrópolis:Vozes, 1987.
BORELLI, Silva H.S.
(Org) Gêneros Ficcionais, Produção do Cotidiano na Cultura Popular e de Massa. São Paulo: Intercom, 1994.
BOSI, Eclea.

Cultura de Massa e Cultura Popular. Petrópolis: Vozes, 1980.
BRASILIT.
A Imprensa e os Meios de Comunicações. São Paulo: Ed.Brasilit, 1989.
BRETON, Philippe.
L. a tribu informatique: enquête sur une passion moderne. Paris: Metaillié, 1990.
BROSE, Reinaldo.
Cristãos Usando os Meios de Comunicação Social. São Paulo: Ed. Paulinas, 1980.
BUCCI, Eugênio.
O Peixe Morre pela Boca. São Paulo: Scrita, 1993.
BUENO, Silveira.
A Arte de Falar em Público. São Paulo: Saraiva, 1961.
BURGELIN, Olivier.
A Comunicação Social. Arte e Comunicação.

• C • CABRAL, Plínio.
Do Outro Lado do Muro - Propaganda Para Que Paga a Conta. São Paulo: Summus.
CADOZ, Claude.
La realité virtuelle. Paris: Dominos, 1994.
CALAZANS, Flávio.
Propaganda Sublimar Multimídia. São Paulo: Brasiliense, 1989.
CALDAS, Waldenyr.
Cultura de Massa e Política das Comunicações. São Paulo: Global, 1986.
CÂMARA JR.
Joaquim Mattoso. Manual de Expressão Oral e Escrita. Petrópolis: Vozes, 1977.
CANCLINI, Néstor García.
Consumidores e cidadãos: conflitos multiculturais da globalização. 2ª Ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1996.
Culturas híbridas: como entrar y salir de la modernidad. México: Grijalbo, 1991.
CANFIELD, Bertrand.
Relações Públicas. São Paulo: Pioneira, 1970.
Relações Públicas: Princípios, Casos e Problemas. São Paulo: Pioneira, 1961.
CANNI, Otávio.
Imperialismo e Cultura. Petrópolis: Vozes, 1976.
CAPARELLI, Sérgio.
Comunicação de Massa sem Massa. São Paulo: Summus.
CARRAMILLO NETO, Mário.
Contato Imediato com Produção Gráfica. São Paulo: Global, 1987.
CHALHUB, Sumira.
Funções da Linguagem. São Paulo: Ática, 1989.
CHERRY, C.
A Teoria da Comunicação e o Comportamento Humano. Londres: Secker & Warburg, 1975.
CHESNAIS, François.
A mundialização do capital. São Paulo: Xamã, 1996.
CHESNEAUX, Jean.
La modernité-monde. Paris: La Découverte, 1989.
CHILDS, Harvood.
Relações Públicas, Propaganda, Opinião Pública. Rio de Janeiro: FGV, 1964.
CHISTENSEN, Carl e ROCHA.
Ângela da. Marketing de Tecnologia. São Paulo: Atlas.
COBRA, Marcos.
Marketing Básico. São Paulo: Atlas.
COELHO NETTO, J. Teixeira.
Semiótica, Informação e Comunicação. São Paulo: Perspectivas, 1980.
COHN, Gabriel.
Sociologia da Comunicação.Teoria e Ideologia. São Paulo: Pioneira, 1973.
Comunicação e Indústria Cultural. São Paulo: T. A Queiroz, 1987.
Sociologia da Comunicação. São Paulo: Pioneira, 1973.
COIMBRA, OSWALDO.
O Texto da Reportagem Impressa. São Paulo: Ática, 1993.
COLLARO, Antônio Celso.
Projeto Gráfico. São Paulo: Summus.
CONNOR, Steven.
Cultura Pós-Moderna. Introdução às Culturas do Contemporâneo. São Paulo: Loyola, 1992.
CORRÊA, Tupã Gomes.
Contato Imediato com Opinião Pública: Os Bastidores da Ação Política. São Paulo: Global,1988.
Psicanálise e Contexto Cultural. Rio de Janeiro: Campus. 1989.
COSTA, A.
Compreender o Cinema. Rio de Janeiro: Globo, 1985.
COSTELLA, Antônio.
Comunicação: do Grito ao Satélite. São Paulo: Mantiqueira, 1984.
CUNDIFF, Edward W.
Marketing Básico; Fundamentos. São Paulo: Mantiqueira, 1984.
CUTLIP, Scott M. & Center, Allen H.
Relaciones Públicas. Madri: Rialp, 1963.

• D • DANCE, Frank E. X.
Teoria da Comunicação Humana. São Paulo: Cultrix, 1973.
D'AZEVEDO, M.
A Relações Públicas: Teoria e Processo. Porto Alegre: Sublime, 1971.
DERRIMAN, James.
Relações Públicas para Gerentes. Rio de Janeiro: Zahar, 1968.
DIMBLERY, Ricardo e BURTON, G.
Mais do Que Palavras. São Paulo: Summus, 1990.
DIMENSTEIN, Gilberto.
A Guerra dos Meninos. São Paulo: Brasiliense, 1990.
O Cidadão de Papel. São Paulo: Ática, 1994.
Como Não Ser Enganado nas Eleições. São Paulo: Ática, 1994.
DOMENACH, Jean Marie.
A Propaganda Política. São Paulo: Difusão Européia do livro, s/d.
DREIFUSS, René Armand.
A época das perplexidades: mundialização, globalização, planetarização
novos desafios. Petrópolis: Vozes, 1996.
E ECO, Umberto.
Como se Faz Uma Tese. São Paulo: Perspectivas.
Apocalípiticos e Integrados. São Paulo: Perspectivas.
EDWARDS, E.
Introdução à Teoria de Informação. São Paulo: Cultrix, 1986.
EPSTEIN, Isaac.
Gramática do Poder. São Paulo: Ática, 1993.
ERAUSQUIN. M. Alfonso & Outros.
Os Teledependentes. São Paulo: Summus, 1983.
ERBOLATO, Mário L. e BARBOSA, Júlio César T.
Comunicação e Cotidiano. Campinas: Papirus.
EVANGELISTA, Marcos Fernando.
Instrumentos em Relações Públicas. Marketing. São Paulo, 1984.
F FADUL, Anamaria.
Novas Tecnologias de Comunicação. São Paulo: Summus, 1986.
FEDERICO, Maria Elvira Bonavita.
História da Comunicação; Rádio e TV no Brasil. Petrópolis: Vozes, 1982,
FENAJ.
Manual de Assessoria de Imprensa. São Paulo: Ed. da Comissão Permanente e Aberta de Jornalista, 1986.
FERNANDES, Francisco Assis Martins.
Relações Públicas como Instrumental da Administração da
Controvérsia Pública - Estudo de Casos. São Paulo: Universidade de São Paulo, 1985.
FERNANDES, H, (ORG)
Tempo de Desejo: Sociologia e Psicanálise. São Paulo: Razão Social,1992.
FERRAZ, Alvin D.
A Nobre Arte de Falar em Público. São Paulo: José Bushatsky, 1959.
FERSARA, Lucrécia D'Aléssio.
A Estratégia dos Signos. São Paulo: Perspectivas.
FILHO, Ciro Marcondes.
Televisão: a Vida pelo Vídeo. São Paulo: Moderna.
Jornalismo fin-de-siècle. São Paulo, Scritta, 1993.
FILHO, Laurindo Leal.
Atrás das Câmaras - Relações entre Cultura, Estado e Televisão. São Paulo: Summus.
FINKIELKRAUT, Alan.
A Derrota do Pensamento. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1989.
FISCHER, Desmond.
O Direito de Comunicar. São Paulo: Brasiliense, 1984.
FRANCO, Célio.
Um Rico Filão: a Propaganda Legal. Meio & Mensagem. São Paulo, 1988.

• G • GARCIA, N. Jahr.
O Que é Propaganda Ideológica. São Paulo: Brasiliense, 1982.
GARCIA, Othon M.
Comunicação em Prosa Moderna. Rio de Janeiro: FGV.
GARNIER, Jean-Pierre.
Le capitalisme high-tech. Paris: Spartacus, 1988.
GAUDÊNCIO, Francisco e Torquato do Rego.
Jornalismo Empresarial - Teórica e Prática, 2. São Paulo: Summus, 1987.
GOLDENSTEIN, Gisela Tauschner.
Do Jornalismo Político à Indústria Cultural. São Paulo: Summus.
GREIMAS, A. J. e COUTERS, J.
Dicionário de Semiótica. São Paulo: Cultrix.
GRINBERG, Máximo Simpson.
A Comunicação Alternativa na América Latina.
GUARESCHI, Pedrinho S.
Comunicação e Poder.Petrópolis: Vozes, 1971.
Sociologia e a Cidade. Petrópolis: Vozes, 1992.

• H • HABERMAS, Jurgen.
Teoria de La acción Comunicativa. Madri: Taurus, 1987.
HOPKINS, Claude.
A Ciência Propaganda. São Paulo: Cultrix.

• I • IANNI, Octavio.
A sociedade global. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1992.
Teorias da globalização. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1994.
A era dos globalismos. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1996.

• J • JAMESON, Frédric.
Espaço e imagem: teorias do pós-moderno e outros ensaios. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1994.
Pós-modernismo: a lógica cultural do capitalismo tardio. São Paulo: Ática, 1996.
JULIVET, Régis.
Curso de Filosofia. Rio de Janeiro: Agir, 1984.

• K • KIENTZ, Albert.
Comunicação de Massa. Rio de Janeiro: Eldorado, 1973.
KOPPLIN, Elisa e Luiz Artur Ferraretto.
Assessoria de Imprensa - Teoria e Prática. Porto Alegre: Sagra, Dc Luzzato, 1993.
KOTLER, Philip.
Marketing. São Paulo: Atlas.
KOTLER, Philip e BLOON, Paul N.
Marketing para Serviços Profissionais. São Paulo: Atlas.
KOYTLER, Plínio.
Marketing. São Paulo: Atlas.
KRUBRUSKY, C.A.
Fotografia. São Paulo: Brasiliense.
KRUNSCH, Margarida Maria Krohling.
Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada. São Paulo: Summus.
KUCINSKY, Bernardo.
Jornalistas e Revolucionários. São Paulo: PáginaAberta, 1991.
KUNSCH, Margarida Maria Kroholing.
Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada. São Paulo: Summus, 1986.
L LADEIRA, Julieta Godoy.
Contatos Imediatos com a Criação de Propaganda. São Paulo: Global.
LAGNEAU, Gerard.
A Sociologia da Publicidade.São Paulo: USP.
LASCH, C.
Cultura do Narcisismo. Rio de Janeiro: Imago. 1983.
LEON, Mario Lenidlde Silva Pla.
Empresa X Imprensa - Uma Relação Positiva. São Paulo: IOB, 1991.
LE BOUNG G.
As opiniões e as Crenças. São Paulo: Cia Brasil Editora.
LEVITT, Theodore.
A imaginação de Marketing. São Paulo: Atlas.
LÉVY, Pierre.
As tecnologias da inteligência: o futuro do pensamento na
Era da informática. Rio de Janeiro: Editora 34, 1993.
L'intelligence collective pour une anthropologie du cyberespace. Paris: La Découverte, 1995.
O que é o virtual? Rio de Janeiro: Editora 34, 1996.
LIMA, Gerson Moreira.
Releasemania. São Paulo: Summus, 1995.
LLOYD, Herbert.
Public Relations. Londres: Holder and Stoughton, 1980.
LITTLEJOHN, Stephen W. Trad.
Álvaro Cabral.
Fundamentos Teóricos da Comunicação Humana. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.
LONGHI, Jain Tadeu e EWERT, Raimar Eduardo.
Vídeo Independente. Equipe Jatalon.São Paulo: Summus.
LOPES, Maria Immacolata Vassalo.
Pesquisa em Comunicação. São Paulo: Loyola, 1990.
LOPES, Dirceu Fernandes.
Jornal-Laboratório -Do Exercício Escolar ao Compromisso Com o Público Leitor. São Paulo: Summus.


• M • MANHANELLI, Carlos Augusto.
Estratégias Eleitorais - Marketing Político. São Paulo: Summus.
MARANHÃO, Jorge.
A arte da publicidade. Campinas: Papirus.
MARCONDES FILHO, Ciro.
Imprensa e Capitalismo. São Paulo: Kairós, 1984.
A Televisão a Vida pelo Vídeo. São Paulo: Moderna, 1990.
Quem Manipula Quem? Petrópolis: Vozes, 1991.
Política e Imaginário no Meios de Comunicação Para Sas no Brasil Industrial. São Paulo: Summus.
MATTELARD, Armand.
La communication-monde: histoire des idées et des stratégies. Paris: La Découverte, 1991.
MASER, Siegfried.
Fundamentos de Teoria Geral de Comunicação. São Paulo: EPU/EDUSP, 1975.
MCLUHAN, Marshall.
Os Meios de Comunicações como Extensão do Homem. São Paulo: Cultrix, 1971.
MEDINA, Cremilda.
Notícias: Um Produto à Venda-Jornalismo na Sociedade Urbana e
MELO, José Marques.
Comunicação e Transição Democrática. Porto Alegre: Ed. Mercado Aberto, 1985.
Comunicação e Modernidade. São Paulo: Loyola, 1991.
Espanha: Sociedade e Comunicação de Massa. São Paulo: Summus.
Comunicação na América Latina. Campinas: Papirus, 1989.
Comunicação: Teoria e Plítica. São Paulo: Summus, 1985.
As Telenovelas da Globo - Produção e Exportação. São Paulo: Summus.
Ética na Comunicação. São Paulo: Loyola.
Populismo e Comunicação. São Paulo: Cortez.
Comunicação Comparada. São Paulo: Loyola Brasil - Espanha.
MIRANDA, Orlando.
Tio Patinhas e os Mitos da Comunicação. São Paulo: Summus.
MORAES, Dênis de (org.).
Globalização, mídia e cultura contemporânea. Campo Grande: Letra Livre, 1997.
(INCLUI ENSAIOS DO ORGANIZADOR, DE MUNIZ SODRÉ, RENÉ DREIFUSS, SERGIO DE SOUZA BRASIL,
MURILO CÉSAR RAMOS E LORENZO VILCHES.)
MORIN, Edgar.
Cultura de Massa no Século XX. Rio de Janeiro: Forense, 1986.
MURIEL, Maria Luísa & ROTA, Gilda.
Comunicacion Institucional. Quito: Ediciones CIESPAL, 1980.


• N • NASCIMENTO, Milton Meira do.
Opinião Pública e Revolução. São Paulo: USP.
NEGROPONTE, Nicholas.
L'homme numérique. Paris: Laffont, 1995.
NEOTTI, Clarêncio.
Comunicação e Consiência Crítica. Louoloa.
NOGUEIRA, Nemérico.
RP: Princípios e Mecanismos. Mercado Global. São Paulo, 1985.
NORA, Dominique.
Les conquérants du cybermonde. Paris: Calmann-Lévy, 1995.
NOVAES, Adauto.
Rede Imaginária. Televisão e Democracia. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 1991.


• O • OLIVEIRA, Djalma de Pinho Rebouças de.
Planejamento Estratégico; Conceitos, Metodologia e Práticas. São Paulo: Atlas, 1986.
ORTIZ, Renato.
A Consiência Fragmentada. Rio de Janeiro: Paz e terra, 1992.
Mundialização e cultura. São Paulo: Brasiliense, 1994.
A moderna tradição brasileira. São Paulo: Brasiliense, 1990.
ORTIZ, Renato; BORELLI, Silvia Simões e RAMOS, José Mário Ortiz.
Telenovela-História e Produção. São Paulo: Brasiliense.
ORTRIWANO, Gisela Swetlana.
A Informática no Rádio. São Paulo: Summus, 1985.


• P • PACHECO, Elsa Dias.
Comunicação para a Verdade e a Paz. São Paulo: Ed. Paulinas, 1986.
PARENTE, André (org.).
Imagem-máquina: a era das tecnologias do virtual. Rio de Janeiro: Editora 34, 1994.
PARRY, Jonhon.
Psicologia da Comunicação Humana. São Paulo: Cultrix, 1992.
PATERNOSTRO, Vera Iris.
Texto da Tv. São Paulo: Brasiliense.
PEIRCE, Charles S.
Semiótica. São Paulo: Brasiliense.
PEREIRA, C. AM. Fausto Neto A. (Org.)
Comunicação e Cultura Contemporânea. Rio de Janeiro, 1993.
PENTEDO, J.R. Nhitaker.
A Técnica da Comunicação Humana. São Paulo: Pioneira, 1974.
A Propaganda Antiga. São Paulo: Pioneira.
Propaganda Institucional Funciona? São Paulo: Pioneira.
Relações Públicas nas Empresas Modernas. São Paulo: Pioneira, 1978.
PERUZZO, Cicilia Krohling.
Relações Públicas no Mundo de Produção Capitalista. São Paulo: Cortez, 1982.
PFROMM NETTO, Samuel.
Comunicação de Massa. São Paulo: Pioneira, 1972.
PICOLATTO, Leslie; BARTALINI, Vanda; MEYERHOF, Salama; CHAVES Eunice C. de Freitas.
A Comunicação em Jogo. São Paulo: Loyola.
PIGNATARI, Décio.
Contracultura. São Paulo: Perspectivas.
Linguagem da Televisão. São Paulo: Brasiliense.
Informações Linguagem Comunicação. São Paulo: Cultrix, 1984.
PINHO, J.B.
Propaganda Institucional - Usos e Funções da Propaganda em Relações Públicas. São Paulo: Summus.
Propaganda em Relações Públicas. São Paulo: Summus, 1990.
Comunicação em Marketing. Campinas: Papirus.
PINHO, Vigílio Moyo.
Comunicação e Cultura Brasileira. São Paulo: Ática.
POYARES, Walter Ramos.
Comunicação Social. Relações Públicas. Rio de Janeiro: Agir, 1974.
PRADO, Emilio.
Estrutura da Informação Radiofônica. São Paulo: Summus.
PRINCE, George M.
A Prática da Criatividade. São Paulo: Cultrix.


• R • RAMOS, Roberto.
Grã-finos na Globo: Cultura e Mershandising nas Novelas. Petrópolis: Vozes, 1991.
RAUDSEPP, Eugene.
Arte de Apresentar Ideias Novas. Rio de Janeiro: FGV.
REGO, Francisco Gaudêncio Torquato do.
Comunicação Empresarial - Comunicação Institucional. São Paulo: Summus.
Jornalismo Empresarial - Teoria e Prática.
REBOUL, Oliver.
O Slogan. São Paulo: Cultrix.
RHEINGOLD, Howard.
Les communautés virtuelles. Paris: Addison-Wesley, 1995.
RODRIGUES, Aroldo.
Psicologia Social para Iniciantes. Petrópolis: Vozes, 1992.
RODRIGUES, José Carlos.
Antropologia e Comunicação: Princípios Radicais. Rio de Janeiro: Espaço e tempo, 1989.
ROSNAY, Joel de.
L'homme symbiotique. Paris: Seuil, 1995.


• S • SADER, Eder.
Quadronovos. Personagens Entraram em Cena. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.
SANTAELLA, Lúcia.
O que é Semiótica? São Paulo: Brasiliense.
SANTORO, Luiz Fernando.
A Imagem nas Mãos - O Vídeo Popular no Brasil. São Paulo: Summus.
SCHEER, Léo.
La démocratie virtuelle. Paris: Flammarion, 1994.
SCHRODER, Uestergard.
A linguagem da Propaganda. Martins Fontes.
SERRA, Floriano.
A Arte e a Técnica do Vídeo. São Paulo: Summus.
SILVA, Sérgio de Souza.
Imagens virtuais e capitalismo tecnológico.
Relatório técnico de pós-doutorado em Comunicação na Universidade Autônoma de Barcelona. Brasília: CNPq, 1996.
SIMÕES, Roberto Porto.
Relações Públicas: Função Política. Porto Alegre: Sagra, 1987.
SIMON, Raymond.
Relações Públicas: Perspectivas de Comunicação. São Paulo. Atlas, 1972.
SOARES, Ismar de Oliveira.
Para uma Leitura Crítica da Publicidade. São Paulo, Ed. Paulinas, 1988.
SODRÉ, Muniz.
A Máquina de Narciso. São Paulo: Cortez.
Televisão e Psicanálise. São Paulo, Ática, 1987.
História da Imprensa no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira.
Violência urbana, neogrotesco e mídia. São Paulo: Cortez, 1992.
Reinventando a cultura. Petrópolis: Vozes, 1996.
A comunicação e seus produtos. Petrópolis, Vozes, 1997.
SODRÉ, Muniz e Ferrari, Maria Helena.
Técnica de Reportagem - Notas Sobre a Narrativa Jornalística. São Paulo: Summus.
SROUR, Robert Henry.
Classes, Regimes, Ideologias. São Paulo: Ática.
STEINGBERG, Charles S.
Meios de Comunicações de Massa. São Paulo: Cultrix, 1972.


• T • TOFFLER, Alvin Powershift.
As Mudanças do Poder. Rio de Janeiro: Record, 1990.
TORQUATO, Guadêncio.
Cultura - Poder - Comunicação e Imagem; Fundamento da Nova Empresa. São Paulo: Pioneira.
Comunicação Empresarial - Comunicação Institucional. São Paulo: Summus.


• V • VATTIMO, Gianni.
A sociedade transparente. Lisboa: Edições 70, 1991.
VIRILIO, Paul.
A arte do motor. São Paulo: Estação Liberdade, 1996.
Cybermonde, la politique du pire; entretien avec Philippe Pétit. Paris: Textuel, 1996.
O espaço crítico. Rio de Janeiro: Editora 34, 1993.
VERDÚ, Vicente.


• W • WARNER, Terence St. J.
A Direção Cinematográfica. São Paulo: Brasiliense, 1990.
O planeta americano. Campo Grande: Letra Livre, 1996.
W WATZTAWICK, Paul e Beavin, Junet Helmick/Don D. Jackson.
Programática da Comunicação Humana. São Paulo: Cultrix.
Um Mundo, Muitas Vozes. Comunicação e Informação na Nossa Época. UNESCO: FGV.
WERTHEIN, Jorge.
Meios de Comunicação: Realidade e Mito. São Paulo: Nacional, 1979.
WOLF, Mauro.
Teorias da Comunicação. Lisboa: Editorial Presença, 1994.
WURMAN, Richard Saul.
Ansiedade de Informação. São Paulo: Cultura, 1991.
WEY, Hebe.
O Processo de Relações Públicas. São Paulo: Summus